Select Menu

OUÇA OS LOUVORES

TRADUZIR ESTE SITE

Cotação Bitcoin

Cotação Ouro

Cotação Euro

Cotação Dólar

» » Em diálogo gravado, Renan propõe alterar lei da delação premiada
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado, afirmou em conversa gravada pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado que apoia uma alteração na lei que trata da delação premiada. Renan gostaria que houvesse uma maneira de impedir que um preso se torne delator. Os acordos de delação se tornaram comuns na Operação Lava Jato.
A Folha de S. Paulo destaca que Renan também sugeriu que, após enfrentar esse assunto, poderia "negociar" com membros do STF (Supremo Tribunal Federal) "a transição" de Dilma Rousseff, presidente hoje afastada.
A Operação Lava Jato investiga Machado e Renan. Com medo de ser preso, Machado gravou pelo menos duas conversas entre ambos. A reportagem teve acesso aos áudios. Machado está negociando um acordo de delação premiada.
O ex-presidente da Transpetro também gravou uma conversa com o senador Romero Jucá (PMDB-RR), empossado ministro do Planejamento no governo Michel Temer. A divulgação dos áudios levou à exoneração de Jucá.
Em conversa com Renan, Machado sugeriu "um pacto", que seria "passar uma borracha no Brasil". Renan responde: "antes de passar a borracha, precisa fazer três coisas, que alguns do Supremo [inaudível] fazer. Primeiro, não pode fazer delação premiada preso. Primeira coisa. Porque aí você regulamenta a delação".
O peemedebista defende uma alteração que, se fosse efetivada, poderia beneficiar Machado. A Folha destaca que ele procurou Jucá, Renan e o ex-presidente José Sarney (PMDB) porque temia ser preso e virar réu colaborador.
"Ele está querendo me seduzir, porra. [...] Mandando recado", contou Machado a Renan em referência ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot.
Ainda no diálogo, Renan ataca uma decisão do STF tomada ano passado, de manter uma pessoa presa após a sua segunda condenação. O presidente do Senado cogita negociar a transição com membros do STF, embora o áudio não permita estabelecer com precisão o que ele pretende.
Renan considera que os políticos todos "estão com medo" da Lava Jato. "Aécio [Neves, presidente do PSDB] está com medo. [me procurou] 'Renan, queria que você visse para mim esse negócio do Delcídio, se tem mais alguma coisa'", revelou Renan, em referência à delação de Delcídio do Amaral (ex-PT-MS), que fazia citação ao tucano.
Os áudios também revelam que Renan disse que uma delação da empreiteira Odebrecht "vai mostrar as contas", em provável referência à campanha eleitoral de Dilma. Machado respondeu que "não escapa ninguém de nenhum partido". "Do Congresso, se sobrar cinco ou seis, é muito. Governador, nenhum."
OUTRO LADO
A assessoria do presidente do Senado informou que os "diálogos não revelam, não indicam, nem sugerem qualquer menção ou tentativa de interferir na Lava Jato ou soluções anômalas. E não seria o caso porque nada vai interferir nas investigações".
Segundo a assessoria, "todas as opiniões do senador foram publicamente noticiadas pelos veículos de comunicação, como as críticas ao ex-presidente da Câmara, a possibilidade de alterar a lei de delações para, por exemplo, agravar as penas de delações não confirmadas e as notícias sobre delações de empreiteiras foram fartamente veiculadas".
"Em relação ao senador Aécio Neves, o senador Renan Calheiros de desculpa porque se expressou inadequadamente. Ele se referia a um contato do senador mineiro que expressava indignação –e não medo– com a citação do ex-senador Delcídio do Amaral."
Já a assessoria do STF informou que o presidente do tribunal, Ricardo Lewandowski, "jamais manteve conversas sobre supostas 'transição' ou 'mudanças na legislação penal' com as pessoas citadas", isto é, Renan Calheiros e Sérgio Machado.
A nota divulgada pela Executiva Nacional do PSDB informou que vai "acionar na Justiça" o ex-presidente da Transpetro. A sigla diz ser "inaceitável essa reiterada tentativa de acusar sem provas em busca de conseguir benefícios de uma delação premiada".
A reportagem não conseguiu contato com Sérgio Machado.

Fonte: http://www.msn.com/pt-br/noticias/crise-politica/em-di%C3%A1logo-gravado-renan-prop%C3%B5e-alterar-lei-da-dela%C3%A7%C3%A3o-premiada/ar-BBtsGOj
Comentário:
Jose Maria Goncalves Goncalves
Tudo está ficando muito claro, a sujeira vai assumindo proporções (citação Lula) nunca antes visto neste País, se for a fundo percebe-ar-se que corrupção no meio político passa de pai para filho, faz parte da cultura deles que se julgam melhores que nós e ensinar os filhos que isto(desvio de verbas, roubo, corrupção, imoralidades, e outros) é o correto, e nós vemos que até mesmo a formação acadêmica desses é direcionada e influenciada a fazer o errado, sem se importarem com os danos causados à sociedade. Já que tocaram no assunto de mexer na lei para favorecer a não delação, deveríamos nós cidadãos forçar a classe política aprovar leis, tais como:
_ Político assume cargo, em seguida é feita devassa na vida fiscal dele e periféricos, não havendo nada, exerce a função, terminou mandado, não importa se reeleito ou não outra devassa;
_ No decorrer do mandato, se aparecer qualquer dúvida a respeito da conduta, afastar de imediato o político mesmo sem comprovação e este fica impedido enquanto houver investigação, quem é honesto vai se fortalecer perante o povo; o desonesto procurará sempre uma maneira de protelar a situação;
_ Em política não deveria admitir tanta reeleição, não é profissão, por que sempre os mesmos, mesmos,.....e a nossa vida que está nas mãos desses canalhas; dependemos do SUS, INSS e tantas outras instituições, e quem são os administradores, isso algum dia vai ter que acabar.
CurtirResponder161 h
CurtirResponder161 h
Braulio Stefan ·
José Maria Gonçalves, é por isso que se faz necessário que gente como você entre nesse meio, de forma organizada, para impor reais mudanças. Tem que Surgir uma Força Política Nacional que Pregue essa "Utopia" mesmo: PAUTA ÚNICA: REFORMA POLÍTICA E JURÍDICA TOTAL NA NAÇÃO. Olhar o modelo de nações que deram certo e estão vivendo bem, no primeiro mundo, e implementar nesse Brasil corrupto. Enquanto nos alienarmos desse cenário, com absoluta certeza o nosso país estará nas mãos dessa corja impura.
CurtirResponder101 h
Luciana Rodrigues ·
Trabalha na empresa Governo do Estado da Paraíba
Muito bom!
CurtirResponder353 min
Vladimir Morosov ·
APÓIO TOTAL E IRRESTRITO!
CurtirResponder17 min
Ehwrhyck Lhemhos Chawal ·
Olha olha!!! Se sobrar é uns (cinco ou seis) quem leu a reportagem vai intender, e tenho plena convicção que Jair Messias Bolsonaro estar entre estes cinco o seis que não tem culpa.
Este Renan,Sarney são chefes da máfia de alto escalão, como se previa tá lá o presidente do STF também bandido.
CurtirResponder81 h
Jacques Jacquier ·
Espere e logo vera seu ídolo atolado até o pescoço .
CurtirResponder120 min
Claudio Marinho
Sem dúvidas que Levianowski, Celso Melo e PTeori encabeçam a lista de membros suspeitos do STF que tem envolvimento com investigados, principalmente com os do PT. Agora esta bem claro que o STF está governando o Brasil na surdina.
CurtirResponder119 min
Antonio Marcio Carvalho ·
Tu deve ser parente, parece pra c.........., até as conversa.......
CurtirResponder6 min
Henrique Silva Souza Souza
Estou indo para as ruas da minha cidade.... Estão falando que esses movimentos que estão nas ruas e no campo lutando para acabar com a corrupção são "movimentos de babacas". Que nada... Vamos mostrar que não é assim e que o Povo Brasileiro vai botar todos no xadrex... Em todas as esferas dos governos municipais, estaduais, e Federal, a corrupção está aguçada e, somente terá fim se toda população, SEVERAMENTE, começar a cobrar vigiar e discutir a política. Se não mostrarmos a nossa insatisfação junto STF, STJ, STE, PF, etc.., seremos sempre "expectadores uivantes" do processo.
CurtirResponder757 min
Falcão Negro ·
Trabalha na empresa Empresa Desapega
Acredito que não seja novidade para ninguém, convicção todos nós brasileiros temos que esses políticos não nos representam e estão envolvidos em corrupção, formação de quadrilha, fraudes e desvios de dinheiro. Espero que comece logo esse efeito dominó, um caindo e levando o outro. Espero que a Copa América e Olimpíadas não desviem atenção da maioria da população. De olho neles!!!
CurtirResponder61 h
Jose Maria Goncalves Goncalves
Só mais uma pergunta:
_ Vocês acham realmente que políticos e judiciário não fazem um acertozinho de vez em quando?
Acho muito difícil não acreditar nisso, porque eles estão tão próximos e notamos que em muitas situações políticos e ministros do STF tem o mesmo discurso.
CurtirResponder41 h
Jose Antonio Jesus ·
Tem que fazer uma lavagem geral em todos gabinetes do Distrito Federal se possível com bastante solda caustica para dezinfetarem todas essas parasitas de politicos surjos para mim todos que estão ai são tudos corruptos e é um comendo o outro e a Polícia Federal tem que fazer uma varredura profunda para não sobrar nenhum F.P que querem ver o Brasil e todos brasileiros de bens nas profundeza desse buraco que surgil ai no Planalto Central, agora meu povo eu digo que em época de eleição diz que temos que saber votar pois digo com toda razão se todos que entrem na política já assumem roubando então a opção é votarem em nehum que hoje não temos mais cadidatos honestos para cuidar do nosso país e de todos que nele habitam.
CurtirResponder450 min
Wilson Polo ·
Penso que para completar esse CIRCO que é o nosso plenário e nossa politica esta faltando só os artistas da telinha se juntarem com eles la no plenário e ai sim ficou completo o time de atores do nosso pais. Acho que eles deviam fazer um seriado assim tipo cheio de emoções, tragedias, mortes, traficantes, assaltos, lavagem de dinheiro muito choro etc, com tantos atores que temos um mais qualificado e famoso que o outro, tem ator novo e tem ator velho tem ator até para filme erótico não falta enredo para o seriado, pensem comigo seria um seriado de muitos capitulos, quem vai escrever o enredo isso que um pouco complicado de definir porque um escritor é ladrão o outro é corrupto e o outro é mentiroso e falso acho que teriamos que ir as urnas. Pronto entrou novamente a corrupção nas urnas não dá kkk notem que estamos em uma situação dificil, melhor por fogo no CIRCO kkkk.
CurtirResponder243 min
Eduardo Prado
A 'ordem' mesmo acontece só nos holofotes que convenhamos, já é uma total baderna, mas é nos bastidores que o 'progresso' tramita, progresso esse que só beneficia o estado porque para a sociedade o que sobra mesmo é só conta e retrocesso.
CurtirResponder21 h
Claudio Marinho
Enquanto este bandido estiver reinando no senado, o Brasil estará entregue aos corruptos e outros bandidos. Lula, Aécio, Dilma, Renan , juntamente com alguns do STF devem ser banidos da vida pública pois estão destruindo a moral deste país.
Levianowski certamente tem comprometimento com o PT e outros políticos investigados, PTeori é suspeito,pois está segurando o processo de Lula ,o qual não há como negar ser o chefe da quadrilha petista; Renan pulando de galho em galho tentando se manter no poder e se aliando até com o diabo; Aécio correndo por fora tentando se esquivar de diversas acusaçõe...Ver mais
CurtirResponder129 min
Claudio Marinho
Renan Calheiros sempre alega ter sido mal interpretado...coitado!!!
Imaginem um ladrão com um 38 na mão abordando sua vítima; ao ver a polícia o mesmo diz ao policial que aquilo não é um 38, que ele não está assaltando e que apenas está sendo mai interpretado...
È exatamente essa a atitude deste pilantra que subestima a inteligência do povo há anos e que é blindado por parte dos políticos, pois levará muitos com ele quando cair e espero que seja em um abismo para caberem todos.
CurtirResponder18 min

Autor CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Você edita-lo, no html
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Publicidade

Família grande projeto de Deus

Seguidores

Seguidores do site pelo Google+