Select Menu

TRADUZIR ESTE SITE

Web Rádio Gospel Adoração

» » A verdadeira história da Peppa
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Toda criança gosta de ficar em frente de uma televisão para assistir um bom desenho animado, seja educativo ou de muita porrada, como Dragon Ball Z e afins. Percebe-se que no decorrer dos anos, os desenhos animados, considerados mais violentos, foram deixando de ser exibidos na televisão brasileira, até mesmo os consagrados Tom e Jerry e Pica Pau(primeiras versões), não são mais vistos nas programações da rede aberta.
Pra ser sincero, muitas crianças cresceram assistindo desenhos como Dragon Ball Z, Yuyu Hakusho, Pica Pau e Tom e Jerry, muitos odiavam o tema dos desenhos animados atuais.

A história da Peppa Pig
Peppa Pig é uma série animada britânica, voltada para crianças pré-escolares, criada em 2004 por Astley Baker Davies. A animação conta o dia-dia da vida de uma jovem porquinha rosa, chamada Peppa que vive com seu irmão e seus pais.
Apesar de serem animais, os personagens se comportam como humanos, como ocorre em várias outras animações.Peppa Pig foi traduzido em vários idiomas, fazendo muito sucesso, inclusivo no Brasil. Em terras brasileiras, o desenho foi ao ar pela primeira vez em 2011 pela Discovery kids, sendo até hoje, uma das atrações principais do canal fechado.

Por que a animação ficou famosa?
Quem diria que uma animação tão simples e inocente, conquistaria de uma forma impressionante os corações das crianças. O que as crianças vêem nessa animação de porquinhos? Será que existe alguma magia para prendê-las em frente à televisão?
A editora relata que o sucesso está associado aos acontecimentos da animação, pois muitas crianças se identificam com a história, por terem família, irem à escola e brincarem com os amigos.
Pelo sucesso da Peppa Pig, a animação já ganhou dois prêmios de melhor animação para crianças em idade pré escolar.
Vale ressaltar também que, o desenho é muito bem aceito para públicos entre a faixa etária de 6 a 11 anos.

A verdadeira história por trás das telinhas
O desenho inocente também possui algumas polêmicas:
  1.  Em vários episódios, é possível perceber que os condutores de veículos automotores não utilizam o cinto de segurança. Isso poderia gerar um incentivo ao não uso do cinto por parte das crianças. Depois de receber várias denúncias, a produtora começou a incluir o cinto nos passageiros e motoristas;
  2.  Peppa Pig também já foi acusado por apoiar o partido trabalhista do Reino Unido em 2010;
  3.  Em um episódio de 2014, a animação incentivava a amizade entre os personagens e as aranhas verdadeiras. Isso gerou uma polêmica na Austrália, pelo país ter altas variedades desses animais peçonhentos. Essa relação apresentado no desenho, poderia levar alguma criança a se acidentar e ser picado pela aranha.
Existem também rumores de que a sua criação teria uma origem macabra
Nessa história, Peppa era uma filha de fazendeiros que criavam porcos para o abate. Ela tinha como bicho estimação alguns porquinhos. Certo dia, o pai da garota teria alertado de que um dia ou outro, os porquinhos de estimação também seriam mortos para suas carnes serem comercializadas. Decepcionada com a infeliz notícia, ela teria corrido sem direção e caído acidentalmente em um moedor de carne, perdendo sua vida. Depois do acidente, o pai transtornado e abalado mentalmente, acabou tirando a vida do irmão de Peppa e a própria vida.


Nessa imagem, podemos ver claramente que todos os ocupantes estão sem o cinto de segurança. Uma coisa simples, que foi suficiente para gerar polêmica.



Fonte: http://www.verdadeirahistoria.com.br/2015/05/a-verdadeira-historia-da-peppa.html

Autor CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Você edita-lo, no html
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Publicidade

Família grande projeto de Deus

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Quem sou eu

Minha foto
CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR
Visualizar meu perfil completo

Seguidores do site pelo Google+