Select Menu

OUÇA OS LOUVORES

TRADUZIR ESTE SITE

Cotação Bitcoin

Cotação Ouro

Cotação Euro

Cotação Dólar

» » PSDB e PMDB divergem sobre votação do aumento do STF
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

A proposta de elevar os subsídios dos ministros do STF de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil em 2017.




O PSDB e o PMDB vão se enfrentar na próxima terça-feira (13), quando será votado o aumento no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A proposta de elevar os subsídios dos ministros do STF de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil em 2017 tem oposição dos tucanos e do DEM, mas é apoiada pelos integrantes do PMDB.
De acordo com o Extra, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), está empenhado em garantir quórum para aprovar, nesta quinta-feira (8), um requerimento de urgência encaminhado pelo líder do PMDB, Eunício Oliveira, para votar a matéria sem nem sequer passar pela votação na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).
O salário dos ministros do Supremo é o teto do funcionalismo público da União e provocaria um efeito cascata nas Justiças estaduais estimado em R$ 5 bilhões por ano. A divisão na base é evidenciada pela divergência pública entre os líderes do governo, o tucano Aloysio Nunes Ferreira (SP), e o líder do PMDB, Eunício Oliveira (CE).
Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/politica/276328/psdb-e-pmdb-divergem-sobre-votacao-do-aumento-do-stf

Autor CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Você edita-lo, no html
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Publicidade

Família grande projeto de Deus

Seguidores

Seguidores do site pelo Google+