Select Menu

TRADUZIR ESTE SITE

Web Rádio Gospel Adoração

» » PSDB e PMDB divergem sobre votação do aumento do STF
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

A proposta de elevar os subsídios dos ministros do STF de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil em 2017.




O PSDB e o PMDB vão se enfrentar na próxima terça-feira (13), quando será votado o aumento no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A proposta de elevar os subsídios dos ministros do STF de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil em 2017 tem oposição dos tucanos e do DEM, mas é apoiada pelos integrantes do PMDB.
De acordo com o Extra, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), está empenhado em garantir quórum para aprovar, nesta quinta-feira (8), um requerimento de urgência encaminhado pelo líder do PMDB, Eunício Oliveira, para votar a matéria sem nem sequer passar pela votação na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).
O salário dos ministros do Supremo é o teto do funcionalismo público da União e provocaria um efeito cascata nas Justiças estaduais estimado em R$ 5 bilhões por ano. A divisão na base é evidenciada pela divergência pública entre os líderes do governo, o tucano Aloysio Nunes Ferreira (SP), e o líder do PMDB, Eunício Oliveira (CE).
Fonte: https://www.noticiasaominuto.com.br/politica/276328/psdb-e-pmdb-divergem-sobre-votacao-do-aumento-do-stf

Autor CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Você edita-lo, no html
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Publicidade

Família grande projeto de Deus

Seguidores

Ocorreu um erro neste gadget

Quem sou eu

Minha foto
CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR
Visualizar meu perfil completo

Seguidores do site pelo Google+