Select Menu

OUÇA OS LOUVORES

TRADUZIR ESTE SITE

Cotação Bitcoin

Cotação Ouro

Cotação Euro

Cotação Dólar

» » Suspender intervenção para votar Previdência seria fraude, dizem especialistas
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

A suspensão do decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro para permitir a votação da reforma da Previdência seria uma fraude que colocaria em dúvida a necessidade da medida, na opinião de professores em Direito Constitucional consultados nesta sexta-feira (16) pelo UOL
Segundo seu artigo 60, a Constituição não pode receber emendas durante uma intervenção federal. O decreto vale até o dia 31 de dezembro. A reforma da Previdência tramita no Congresso sob a forma de uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição) e foi retirada da pauta da Câmara justamente para que a intervenção seja votada.
Mais cedo nesta sexta, autoridades do governo admitiram a possibilidade de interromper o decreto e depois assinar outro para, neste período, colocar a reforma em votação.
Roberto Dias, professor de Direito Constitucional da FGV-SP (Fundação Getúlio Vargas em São Paulo) e da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), questiona a necessidade de uma intervenção quando o próprio governo diz que ela pode ser revogada.
"Ou se está diante de uma situação gravíssima que exige a decretação da intervenção e ela deve perdurar pelo prazo previsto no decreto, que deve ser o prazo suficiente para restabelecer a normalidade, ou não existe essa situação, e então não era o caso de decretar", afirmou.
Suspender a intervenção para votar a reforma da Previdência me parece uma situação que caracterizaria uma fraude
Roberto Dias, professor de Direito Constitucional
Marcelo Figueiredo, professor de Direito Constitucional da PUC-SP, segue linha similar sobre a possibilidade da revogação do decreto para, depois, restabelecer a intervenção.
"O que está sendo dito é que ele suspenderia a intervenção para aprovar a emenda. Isso também pode ser questionado, se isso não seria uma fraude à Constituição. A intervenção tem uma finalidade, que é exatamente resolver ou aplacar uma crise, para que a situação volte ao normal. Por isso a Constituição fala em prazo determinado", disse.
"Essa antecipação de que vai suspender para aprovar [a reforma] é algo que não se pode dizer que seja um mecanismo legítimo de utilizar a Constituição para fazer um arremedo jurídico", completou Figueiredo.
Segundo Carlos Gonçalves Júnior, também professor de Direito Constitucional da PUC-SP, a revogação do decreto para votar a reforma da Previdência traz outros riscos jurídicos e até políticos.
"Suspender por 48 horas para votar uma emenda à Constituição vai dar ensejo a uma declaração de inconstitucionalidade", disse. "Não tem essa figura da suspensão. Na verdade, ele teria que revogar a intervenção e decretá-la novamente. Nesse meio tempo, o governador do Rio poderia desfazer todos os atos do interventor."

Vota ou não?

Ao anunciar a intervenção no Rio, o presidente Michel Temer (MDB) declarou que faria "cessar" a medida para a votação da reforma da Previdência. Em entrevista à Rádio Band News, disse ainda que as tratativas sobre a reforma continuariam simultaneamente à implantação da intervenção não
Já o ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou que o governo planeja suspender a intervenção quando "o presidente da Câmara e os líderes disserem que estão prontos" para votar e retomá-la assim que houver a aprovação. 
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), vem dizendo que só vai pautar a PEC quando houver votos para aprová-la. O governo já considera que o projeto, uma das principais bandeiras da gestão de Temer, não será votado.

TEMER CHAMA CRIME ORGANIZADO DE "METÁSTASE" E DIZ DARÁ RESPOSTA "DURA"


Fonte: https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/brasil/2018/02/17/suspender-intervencao-para-votar-previdencia-seria-fraude-dizem-professores.htm

Autor CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR

Esta é uma breve descrição no bloco de autor sobre o autor. Você edita-lo, no html
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Publicidade

Família grande projeto de Deus

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
CULTO ABENÇOADO NO SEU LAR LAR
Visualizar meu perfil completo

Seguidores do site pelo Google+