Aperte o player abaixo e ouça os louvores

Entretenimentos-Notícias-Estudos Bíblicos-Teatros Infantil-Dinâmicas-Peças Gospel Infantil-Dicas de Informática-Mensagens: Dias dos pais - louvores e muito mais!

TRADUZIR ESTE SITE

Cantata de Natal emociona público em São José dos Campos

quinta-feira, 26 de dezembro de 2019


   Evento foi realizado por 15 igrejas da região e foi apresentado na Igreja da Cidade


O espetáculo de Natal “Canta Aleluia” emocionou mais de 10 mil pessoas que compareceram nos dias 20 e 21 de dezembro na Igreja da Cidade, em São José dos Campos.


Realizado pelo Conselho de Pastores de São José dos Campos, o espetáculo reuniu mais 500 pessoas entre coral, orquestra, teatro e dança, além dos voluntários que atuaram para viabilizar o evento.
“Todos os participantes que estão aqui, do coral, orquestra e teatro são voluntários e apaixonados por falar de Jesus para as pessoas”, disse o maestro Marcos Sanches ao programa Link Vanguarda.

Com canções natalinas e um presépio vivo, o “Cante Aleluia” atraiu pessoas de outras cidades também e mostrou o verdadeiro significado do Natal que é o nascimento de Jesus.

Igreja realiza ceia de Natal para moradores de rua

      Ação foi promovida pela Igreja Batista Betânia no RJ

Na véspera do Natal (24), a Igreja Batista Betânia (RJ) se organizou para tornar a data mais especial com uma ceia solidária para moradores de rua.

Cerca de 1.500 pessoas ganharam uma ceia completa de Natal em unidade com os voluntários, que em sua maioria são membros da Igreja. A ação solidária foi realizada no Largo da Carioca, no Centro do Rio.
O cardápio contou com frango, arroz, salpicão, macarrão, refrigerante e cada membro se sentou à mesa com os moradores de rua. Os cidadãos também puderam tomar banho num banheiro social e receberam roupas e calçados novos.
Este projeto já existe há 13 anos, e a proposta é que cada membro da Igreja seja “família para alguém”, compartilhando da noite de Natal com gente que geralmente é invisibilizada na sociedade.
A Igreja Batista Betânia é liderada pelo pastor Neil Barreto e é conhecida por ser uma comunidade de fé marcada pelo senso de inclusão social, que procura encarnar a mensagem do evangelho por meio do serviço ao próximo, onde aqueles que não têm voz ganham voz através de atos solidários como este.


A cura do pastor que foi espancado convence os médicos do poder de Jesus: mais de 500 funcionários do hospital hindu aceitam a Jesus

quarta-feira, 25 de dezembro de 2019


 500 funcionários de hospital hindu aceitam a Jesus após pastor ser milagrosamente curado

Enquanto pastoreava um grupo de 40 novos crentes em uma região extremamente pobre e predominantemente hindu no norte da Índia, o impensável, mas cada vez mais “normal” aconteceu: militantes atacaram cruelmente um jovem pastor e sua igreja secretamente na casa de um crente. O pastor Kumar e outros três foram levados às pressas para o hospital em estado crítico, o líder cristão estava ensanguentado, inconsciente e sem esperança de vida.

Na semana seguinte ao ataque, outros membros da igreja que viviam com medo de suas vidas estavam andando um dia e relataram ter uma visão incrível no céu. Pareciam ser um anjo guerreiro, disseram, movendo-se e dançando, e ajudaram a afastar seu medo com coragem. Os hindus locais que testemunharam a cena tornaram-se menos hostis aos crentes. Antes enfurecidos, sempre que viam os fiéis se reunirem, muitos começaram a se juntar a eles para adorar secretamente.
Cerca de duas semanas depois os três membros feridos foram libertados, mas o pastor Kumar continuou a precisar de mais tratamento. Ele já havia sofrido várias cirurgias, uma delas um procedimento importante nas costas, após o qual os médicos não sabiam que ele seria capaz de suportar, e muito menos caminhar novamente. Mais orações, e ele logo se levantou! Seus médicos não podiam negar que um milagre havia acontecido.
Ele deveria receber alta do hospital na última sexta-feira (9 de novembro). Mais uma vez, porém, ele desenvolveu uma dor incomum nas costas. Quando um raio-x mostrou mais uma lesão na coluna vertebral, os médicos sugeriram mais uma cirurgia. Sem cirurgia, eles alertaram, ele provavelmente seria seriamente afetado pelo resto de sua vida.
No entanto, o pastor Kumar sabia que seu Senhor poderia curá-lo. Ele acreditava tanto nisso que disse aos médicos que o Senhor Jesus não apenas reduziria sua dor, mas que, pelas orações de Seus filhos, o curaria completamente. Ele então compartilhou seu testemunho e outras experiências com o Senhor.  
O clínico geral e o cirurgião se viram ouvindo respeitosa e atentamente seu paciente estranho, embora eles – como praticamente todos no hospital – sejam hindus fundamentalistas. 
Eles decidiram que iriam esperar e fazer outro raio-x na manhã seguinte…. então é claro que o Pastor Paul, ao saber disso, enviou um alerta de oração. 
” Deixe-os crer que Jesus é o Senhor e poderoso curador”, ele encorajou os guerreiros da oração. “Acreditamos que nosso Senhor não permitirá que Seus filhos se envergonhem diante de gentios e escarnecedores.”
No dia seguinte, os médicos ficaram pasmos ao não ver os ferimentos. – Alguma coisa deu errado com a máquina de raio-x deles? eles provavelmente se perguntaram.  
“Sem dúvida, é o poderoso trabalho de meu Senhor”, assegurou o pastor Kumar. “Confie nele, pois ele também é seu Senhor. Aceite-O, então você verá muitas, muitas maravilhas.” Sem argumentos, eles ainda decidiram esperar e fazer mais uma prova no dia seguinte.
Quando o raio-x da manhã de sexta-feira mostrou a mesma coisa, os médicos tiveram que ceder. “É um grande milagre de seu Senhor”, eles admitiram. “Agora acreditamos em Suas obras maravilhosas.”
“Você pode marcar uma reunião para mim no hospital com sua equipe?”, Perguntou o pastor Kumar, corajosao. “Gostaria de compartilhar minha história com eles.”  
Eles teriam que checar com as autoridades do hospital, responderam os médicos, mas se os superiores concordassem, seria organizada uma reunião.  
Por volta do meio-dia, o pastor Kumar soube que uma reunião havia sido anunciada para as duas da tarde. Ele imediatamente entrou em contato com os pastores Paul e Peter Haneef para orações. Ele e um membro da igreja visitante então se ajoelharam na cama do hospital em oração sincera pelas próximas duas horas, negligenciando as refeições do meio-dia. Eles então foram diretamente para a sala de conferências.
Mais de 500 pessoas – enfermeiras, estudantes de enfermagem, médicos e outros funcionários – aguardavam para descobrir por que haviam sido chamadas. Quase todos eram hindus.
O cirurgião assistente do pastor Kumar o apresentou. O pastor começou com uma música que somente ele e seu visitante sabiam as palavras, depois uma oração.
Ele compartilhou sua educação, sua conversão do hinduísmo e seguiu com uma poderosa apresentação do evangelho. Uma queda de alfinete teria ecoado no auditório. Quando ele terminou, o Espírito Santo o guiou a ir mais longe.
“Fique de pé, se você estiver realmente disposto a aceitar esse Jesus como seu Senhor e Salvador.” Todos se entreolharam, mas ninguém se levantou. 
Então ele repetiu a pergunta. Então, uma jovem sentada na primeira fila levantou a mão e se levantou. Lentamente, um por um, todos fizeram o mesmo: médicos, enfermeiros, equipe administrativa – absolutamente todos os presentes.
O pastor pediu que fechassem os olhos, colocassem as mãos no peito e aceitassem Jesus em seus corações e que falassem em voz alta. 
“Porque, se você confessar com a boca que Jesus é o Senhor e acreditar em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, você será salvo.” 
(Rom. 10: 9)
Ele havia explicado o suficiente para que cada um, em suas próprias palavras, respondesse da seguinte maneira:   
“Eu aceito Cristo Jesus, o Filho unigênito do Pai Celestial como meu Senhor e meu Salvador. O Senhor Jesus desceu do céu e foi crucificado na cruz do Calvário morreu e ressuscitou dos mortos para me dar salvação e vida eterna. Eu creio nele e o aceito como meu Senhor e Salvador. “
O pastor Kumar então orou por eles. Um dos médicos levantou-se para agradecê-lo, com lágrimas nos olhos. Ele pronunciou o momento esmagadoramente grande e alegre para ele.
“De agora em diante, não irei adorar nenhum ídolo e irei adorar apenas a Jesus.” Ele agradeceu profusamente novamente.
Quando a reunião terminou por volta das 16h30, todos se apresentaram perguntando se poderiam receber bíblias. É claro que ele não tinha nenhum em mãos, mas estamos orando para que os recursos cheguem para fornecer a este novo ministério emocionante todas as bíblias que eles precisam.
O pastor Kumar recebeu alta do hospital e voltou para sua casa e família nesta manhã. 
Por favor, mantenha este novo e crescente ministério em seus corações e orações. Sem o seu apoio, nada disso seria possível.

Por que um cristão pode estar possesso por um demônio ?


Pode um cristão, salvo por Cristo estar possuído por algum demônio?

Houve um tempo em que ensinamos em nossa igreja que os cristãos não podiam ter demônios. Preguei longos sermões afirmando que os cristãos podiam ser oprimidos, regredidos, desviados, obcecados e reprimidos, mas nunca possuídos. Acreditávamos que um demônio poderia estar fora de um cristão que o oprimia, mas que não poderia estar dentro dele. O raciocínio que usei para defender essa posição era que Jesus e o Espírito Santo não podiam viver dentro do mesmo corpo em que os demônios residem.

O problema era que nossa experiência não correspondia à nossa teologia. Quando ministramos a libertação, frequentemente oramos por pessoas que sabíamos que nasceram de novo, crentes cheios do Espírito – e eles manifestaram demônios! Tivemos que encarar o fato de que nossa experiência estava errada ou nossa doutrina estava errada.
O apóstolo John Eckhardt é superintendente do Crusaders Ministries, localizado em Chicago, Illinois. Dotado de um forte chamado apostólico, ele ministrou nos Estados Unidos e no exterior em mais de setenta nações. O apóstolo Eckhardt é autor de mais de vinte livros e tem um programa de rádio diariamente. 
“Não podíamos questionar nossa experiência porque sabíamos o que estávamos vendo. Então começamos a questionar nossa teologia.
Em nossa busca pela verdade, percebemos que na Bíblia Jesus nos diz para expulsar demônios, não para expulsá-los. Obviamente, para que algo saia, deve estar dentro. Finalmente chegamos à conclusão de que nossa interpretação da Bíblia estava errada.
Agora, estou convencido não apenas de que um cristão pode ter demônios, mas também de que existem demônios que operam no campo da teologia, incentivando-nos a discutir e debater incessantemente sobre a doutrina, em vez de atender às necessidades das pessoas que estão sofrendo. Na verdade, os demônios ajudam a promover o ensino de que um cristão não pode ter um demônio, porque ganha força ao permanecer oculto. Eles podem operar de maneira destrutiva sem serem desafiados!
Alguns podem argumentar que um crente não pode ser possuído. Mas permanece o fato consternante de que os cristãos nascidos de novo, incluindo líderes, estão enfrentando dificuldades que não podem encontrar solução nas enfermidades naturais ou no conflito interminável entre a carne e o Espírito.
É hora de reconhecer que estamos lidando com pessoas reais que têm problemas reais e que Deus não nos salvou nem nos comissionou para que pudéssemos discutir sobre a doutrina. Ele nos chamou para o ministério para que possamos ajudar as pessoas que estão sofrendo, feridas e machucadas.
Quando você entra em contato com alguém que é controlado por demônios, a resposta é expulsar os demônios, não discutir se a pessoa é ou não cristã. A resposta é trazer ajuda para essa pessoa.

Possuído ou Não Possuído?

Sei que não sou o único crente que já teve uma idéia errônea de que os cristãos estão possuídos. E a imagem sensacionalista que Hollywood pintou de possessão demoníaca não ajudou. Isso nos levou a acreditar que, se dissermos que um cristão pode ser possuído, estaremos dizendo que ele pode ser totalmente possuído e controlado pelo diabo e manifestará, ao estilo de Hollywood, com a cabeça girando e os olhos saltando para fora.
A palavra “possuído” é uma tradução infeliz porque conota propriedade, e sabemos que o diabo não pode possuir um cristão – isto é, ter controle total sobre ele. Mas na Bíblia, não há distinção real entre ser possuído e ser oprimido, digerido, suprimido, obcecado e assim por diante. Todos esses termos significam que uma pessoa está, até certo ponto, sob a influência de um demônio.
Pessoalmente, não tenho tanto problema com a palavra “possuído” quanto outros cristãos. De fato, para mim, a palavra “demonizado” parece pior.
Quando procurei “possuir” no dicionário, descobri que uma definição da palavra é “ocupar”. Minha opinião é que, se um demônio ocupa seu dedão do pé, ele possui essa parte de você. Isso não significa que ele possui seu espírito, alma e corpo. Mas se ele ocupa uma pequena porção, como um órgão físico em seu corpo – como o espírito de enfermidade ocupa -, então há possessão até certo ponto.
Costumo perguntar àqueles que são céticos em relação à possessão demoníaca se o câncer é ou não demoníaco. A maioria concorda que a doença é do diabo.
Então, continuo, há câncer dentro do corpo ou existe algo do lado de fora que é o problema? Se não estiver por dentro, os médicos provavelmente não abrirão as pessoas tentando removê-lo. Evidentemente, como cristão, você pode ter algo em você que possui um determinado órgão do seu corpo e não é de Deus.
Saber que um cristão pode ser possuído (ou demonizado) em alguma parte de seu ser levanta a questão: alguma parte está fora dos limites dos demônios? Aqui é onde podemos reconciliar a questão de Jesus e o Espírito Santo residir simultaneamente dentro de alguém que precisa de libertação.
Uma coisa que nos ajudou em nosso entendimento é a percepção de que toda pessoa é composta de três partes: espírito, alma e corpo. Quando Jesus entra na vida de um crente, Ele entra no espírito dessa pessoa. João 3:6 nos diz claramente: “O que é nascido do Espírito é espírito” (NVI). Um demônio não pode habitar no espírito de um cristão porque é onde Jesus e o Espírito Santo habitam.
São os outros componentes que compõem um ser humano – a alma (mente, vontade e emoções) e o corpo – que são os alvos do ataque demoníaco. Demônios podem habitar nessas áreas da vida de um cristão. Então, quando dizemos que um cristão está demonizado ou possuído, não estamos dizendo que ele tem um demônio em seu espírito, mas em alguma parte de sua alma ou corpo.
Para ilustrar essa verdade, o Senhor nos lembrou o relato bíblico de Jesus entrando no templo e limpando-o de ladrões e cambistas. A palavra grega usada para “expulsar” nessa conta é ekballo, que significa “expulsar ou expulsar”. É a mesma palavra usada em Marcos 16:17: “Em meu nome [de Jesus] eles expulsarão demônios”.
Sabemos que, de acordo com a Bíblia, os filhos de Deus são o templo do Espírito de Deus (ver 1 Cor. 3:16). No Antigo Testamento, o templo tinha três partes: o santo dos santos, o lugar santo e a quadra externa. Esta gravura é um tipo ou representação de quem somos hoje como Seu templo.
A glória shekinah de Deus, ou a “presença” de Deus, estava no santo dos santos. Esta parte do templo representa nossos espíritos.
Mas quando Jesus entrou no templo para expulsar os ladrões e cambistas, Ele não foi ao santo dos santos. Ele foi para a quadra externa, onde esses malfeitores estavam realizando suas transações comerciais.
O relato completo é um retrato da libertação – do que Jesus quer fazer em nossos templos. Pode haver ladrões demoníacos em nossas vidas que estão operando em nossas áreas externas (corpos ou almas). Mesmo que eles não possam entrar no santo dos santos (nossos espíritos), Jesus os quer expulsos porque o templo de Deus nunca foi destinado a ser um lugar para os ladrões operarem. É para ser um local de culto e um local de oração.

Um direito da aliança

Aqueles que acreditam que o ministério da libertação não é para os crentes precisam reconsiderar sua posição. A verdade é que a libertação não é para os incrédulos.
Que bem faria expulsar demônios de um incrédulo, a menos que ele planejasse ser salvo? Os incrédulos não podem manter sua libertação. De fato, de acordo com Lucas 11:24-26, após sofrer libertação, a pessoa não salva está sujeita a receber sete vezes mais demônios do que antes.
O ministério da libertação é o direito da aliança dos crentes. Como todas as outras bênçãos de Deus – cura, prosperidade, milagres e assim por diante -, é prometido apenas ao Seu povo da aliança, aos que crêem em Jesus e vêm a Deus através do sangue de Cristo. Deus, em Sua misericórdia, abençoará as pessoas fora da aliança porque Ele é misericordioso. Mas principalmente, Suas bênçãos são baseadas em convênio.
A história da mulher sírio-fenícia em Marcos 7: 25-30 deixa isso claro. A mulher procurou Jesus para que Ele libertasse a filha de um espírito imundo. Mas Jesus disse-lhe: “‘Antes, as crianças sejam cheias, porque não é bom pegar o pão das crianças e jogá-lo aos cachorrinhos'” (v. 27).
Neste versículo, a frase “o pão das crianças” refere-se especificamente à libertação, e Jesus está dizendo que pertence ao povo da aliança. Aqueles que estão fora da aliança podem receber um milagre baseado na misericórdia de Deus, mas a libertação é para aqueles que têm uma aliança com Deus.
Lucas 1: 71-73 diz que Jesus veio “para que sejamos salvos de nossos inimigos e das mãos de todos que nos odeiam, para realizar a misericórdia prometida a nossos pais e lembrar de Sua santa aliança, o juramento que Ele fez a nosso pai Abraão “. Ele trouxe a salvação de nossos inimigos –  demônios – com base em uma promessa, da qual somos herdeiros (ver Gálatas 3:29), que Ele fez a Abraão.
O propósito desta salvação é declarado nos versículos subsequentes de Lucas 1: “Conceder-nos que, sendo libertos das mãos de nossos inimigos, possamos servi-Lo sem medo, em santidade e retidão diante Dele, todos os dias de nossa vida” (vv. 74-75). Deus provê o benefício para que possamos servi-Lo sem medo, em santidade e retidão todos os dias de nossas vidas. É muito difícil viver assim sem ser entregue. De fato, é praticamente impossível.
Uma das razões pelas quais é tão difícil é que os demônios nem sempre são resultado do pecado na vida de uma pessoa. Existem muitos tipos diferentes de espíritos malignos, e nem todos são o que eu chamo de “espíritos do pecado”.
Isso não quer dizer que o pecado não seja um grande ponto de entrada para a influência demoníaca. Para todo pecado na Bíblia há um demônio correspondente. Eu sustento que se um cristão está vivendo em pecado ou vivendo em carne, não há como ele escapar dos demônios.
No entanto, também é possível que um cristão seja demonizado como resultado do pecado de outra pessoa. Por exemplo, um espírito de rejeição ou trauma pode chegar a uma pessoa porque ela foi abusada. Ou demônios podem ser herdados de uma geração anterior através da linhagem de uma pessoa.
Percorremos um longo caminho em nossa igreja desde os primeiros dias em que acreditávamos que os cristãos não podiam ter demônios. Agora, sempre que uma pessoa é salva, assumimos automaticamente que ela precisa de algum nível de libertação e a conduzimos pelo processo. Não questionamos se o novo crente tem um demônio, apenas quantos ele tem.
Isso pode parecer difícil. Mas lembre-se, a demonização nem sempre é culpa da própria pessoa. Questões geracionais são um importante ponto de entrada.
Se pudermos ser submetidos às conseqüências do pecado para a quarta geração, como diz Êxodo 20: 5, e uma geração bíblica for de 40 anos, então estaremos sujeitos à influência demoníaca do que as pessoas de nossa linhagem estavam fazendo 160 anos antes. Isso significa que, tomando o ano de 2000 como ponto de partida, somos afetados pelo que aqueles em nossas linhagens estavam fazendo desde o ano de 1840.
Pense nisso. Mesmo que uma pessoa tenha uma ótima genealogia, ela não pode saber tudo o que seus ancestrais estavam fazendo em segredo há muito tempo. E se, além do pecado geracional, ele cometeu pecado pessoal ou foi traumatizado ou vitimado de alguma forma, quando chegar ao Senhor, precisará de libertação em algum nível. Há muita contaminação e contaminação na Terra para escapar dela.
Devemos aceitar a realidade de que fomos comissionados para ministrar ao povo da aliança de Deus, e parte de nossa responsabilidade é proporcionar a eles seu direito de libertação da aliança. Se os privarmos disso com base em alguma doutrina teológica errônea, estaremos negando a eles o que é deles por direito e não podemos nos chamar ministros capazes da Nova Aliança. Vamos fazer o que Jesus fez e servir o pão das crianças para aqueles que precisam!
por: John Eckhardt

Não se canse de fazer a coisa certa


Se as coisas não acontecem imediatamente ou quando você acha que deveriam, isso não significa que você deve sair

Não nos cansemos de fazer o que é certo, pois daqui a pouco colheremos bênçãos se não desanimarmos e desistirmos” – Gálatas 6:9

Se as coisas não acontecem imediatamente ou quando você acha que deveriam, isso não significa que você deve sairVocê precisa ser atento. Você precisa ter resistência. Você precisa continuar. A Bíblia diz: “Não nos cansemos de fazer o que é certo, pois daqui a pouco colheremos bênçãos se não desanimarmos e desistirmos” – Gálatas 6:9

Neste Natal, onde você sente vontade de desistir? Talvez você sinta vontade de desistir do seu casamento. Pode parecer que está morto e indo a lugar nenhum. Talvez você sinta vontade de desistir de sua carreira. Você tentou, tentou e tentou fazer a diferença, e isso simplesmente não está acontecendo. Talvez você sinta vontade de desistir de seu sonho ou objetivo. Talvez você sinta vontade de desistir de si mesmo.
Mas pense sobre isso. Mil anos antes de você nascer, Deus sabia que você estaria lendo isso hoje, e a mensagem dele para você é simples: não faça isso. Não desista.
Nunca desista. O túnel parece incrivelmente escuro agora, mas sempre há uma luz no finalPode estar ao virar da esquina! Você é conhecido, é amado e tem um propósitoNão se canse de fazer o que é certo. Não pense que o que você está fazendo não importa. Não pense que alguém seria melhor sem vocêEssas são mentiras da boca do próprio diaboLembre-se do que Deus disse sobre você. Lembre-se de que ele quer abençoá-lo.
Não desistaOlho para cima. Olhe para Deus. Encontre uma família espiritual – uma igreja e um pequeno grupo – para ajudá-lo nos momentos difíceisMedite na Palavra de Deus em busca de encorajamentoNunca desista de Deus. Ele nunca desistirá de você!
por: Pr. Rick Warren
traduzido e adaptado por: Gabriel V.F. de Lima

Médico permite que pacientes paguem por cirurgia com trabalho voluntário



Médico ajuda pacientes pobres a pagarem cirurgia com trabalho voluntário, em programa baseado na Bíblia Sagrada em Mateus 25

Impulsionado pelos dados de um novo estudo que mostra que 66,5% de todas as falências estão vinculadas a questões médicas devido ao alto custo dos cuidados, um médico de Nebraska desenvolveu um programa em sua prática que ajuda pacientes necessitados a pagar pela cirurgia com trabalho voluntário.


Por meio do programa chamado M25, baseado no capítulo 25 de Mateus, o Dr. Demetrio J. Aguila III, fundador do Healing Hands of Nebraska, (Mãos Curadoras do Nebraska) diz que espera manter os pacientes em risco de ruína financeira.
“Durante anos, eu fazia cirurgia para pacientes e cuidava de seus problemas de saúde, cuidando de seus problemas médicos, e então descobria meses depois, às vezes anos depois, corrigindo seu problema médico que causara ou contribuíra para sua ruína financeira”, disse Aguila, que também é veterano da Força Aérea dos EUA, em entrevista ao  1011 Now . “Preciso me olhar no espelho à noite e saber que estou cuidando bem dos meus pacientes”.
Aguila é especialista em cirurgia do nervo periférico, que abrange lesões agudas do nervo , neuropatias de aprisionamento e tumores na bainha do nervo. É praticado por cirurgiões de diferentes origens, com experiência em cirurgia ortopédica, neurológica, plástica e reconstrutiva. Os pacientes Healing Hands of Nebraska têm três maneiras de pagar pela cirurgia, mas a organização descreve o programa M25 como sua opção favorita.
“Por meio de parcerias com organizações de caridade, como o Trem Órfão para Grãos , somos capazes de oferecer atendimento a pacientes que não necessitam de dinheiro. Por meio do Programa M25, os pacientes investem em seus cuidados com a saúde através de uma doação de tempo e energia a uma das instituições de caridade parceiras ”, explica a organização em seu site. 
“Mais de dois terços das falências individuais nos Estados Unidos são devidas a dívidas médicas. O mais alarmante é que em mais de 75% dessas falências, o paciente tinha seguro. 

Claramente, o seguro não é garantia contra a ruína financeira e, em muitos casos, dá aos pacientes uma falsa sensação de segurança”, observa ainda. Aquila não estava disponível imediatamente para uma entrevista na quinta-feira, mas Grant Schmidt, vice-presidente da Orphan Grain Train, uma organização humanitária sem fins lucrativos que realiza remessas internacionais e ajuda humanitária, disse que o médico se aproximou dele em Norfolk na primavera e perguntou se ele se tornaria um organização parceira no programa M25. 

“Quando ele iniciou este M25, ele veio até mim e perguntou: ‘podemos fazer parceria? As pessoas podem vir e ser voluntárias e trabalhar para você voluntariamente, a fim de se qualificar para este programa M25? E nós dissemos ‘absolutamente’ ”, disse Schmidt ao The Christian Post.
 “Agora, temos vários voluntários qualificados para o seu programa, que trabalharam horas para nós em caráter voluntário e nos ajudam a espalhar nossa missão”, disse ele.
Ele também explicou que os indivíduos devem completar o custo de sua cirurgia nas horas de trabalho antes de fazer a cirurgia ou que alguém faça o trabalho por eles, se não estiverem bem o suficiente para fazê-lo. “Antes de qualquer cirurgia, eles precisam realizar o trabalho. Agora, no caso de algumas pessoas que estão desabilitadas ou incapazes de executar essas tarefas, elas podem ter outras pessoas executando essas tarefas por eles e fazendo o trabalho por elas”, afirmou Schmidt.
O site da organização explica, por exemplo, que se um paciente precisar de cirurgia no nervo ulnar esquerdo e a taxa de seguro for de US $ 5.000, esse paciente precisaria doar 250 horas de serviço comunitário para cobrir o custo.  “Eliminamos muitos problemas administrativos associados à assistência médica”, disse Aguila ao 1011 Now. “Reduzimos o custo da assistência médica. Tornamos justo para todos os envolvidos. Ninguém perde. Esse é o núcleo do Programa M25”.
“Gostaria de inspirar outros médicos e outros profissionais médicos a encontrar essa esperança novamente”, disse ele. “Encontrar esse motivo para ser médico e trazê-lo de volta ao âmago do que eles fazem todos os dias.”

Médico fala sobre seu programa que tem ajudado pacientes (em inglês)






Fonte: https://portalpadom.com.br/medico-permite-que-pacientes-paguem-por-cirurgia-com-trabalho-voluntario/

Após acidente doméstico, Bolsonaro confirma viagem de réveillon para Bahia


O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que se recupera de uma queda sofrida na última segunda-feira (23), realizou um pronunciamento de fim de ano em rede nacional de rádio e TV às 20h30 desta terça-feira (24). Apesar do recente acidente sofrido e da orientação médica para que permanecesse em repouso, o militar da reserva também não fez alteração alguma na sua agenda e viajará à Bahia na sexta-feira (27), onde deve passar a virada do ano.
Ele escolheu a Praia de Inema, no Subúrbio Ferroviário de Salvador para curtir o Réveillon. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo. Ele vai passar o Natal em Brasília e logo depois vai viajar. A proposta da equipe do governo é que ele fique longe do Planalto por, pelo menos, 10 dias.
Acidente
Bolsonaro precisou ser hospitalizado depois de levar um tombo no Palácio da Alvorada. Os exames feitos pelo presidente não apontaram problema algum decorrente da queda e ele recebeu alta pela manhã.
Hoje, poucas horas após o acidente, Bolsonaro recebeu o secretário-geral da Presidência, Jorge Antonio Oliveira, e o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB), que passou cerca de 40 minutos com o chefe do Executivo.
Ainda mostrando que sua rotina em nada mudou depois que sofreu uma queda no Palácio do Planalto, Bolsonaro usou seu perfil no Twitter pela manhã para tecer críticas a adversários políticos e . Sem citar nomes, o presidente pediu para não ser cobrado pela "solução do que foi destruído, por décadas, pela ação dos maus e omissão dos bons".
Em outro post, o presidente citou um versículo do livro bíblico de Eclesiastes. "Porque se um cair o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante".

Presidente da República Bolsonaro cai, bate a cabeça e é levado urgente para o Hospital das Forças Armadas

terça-feira, 24 de dezembro de 2019


O presidente Jair Bolsonaro foi levado para o Hospital das Forças Armadas na noite desta segunda-feira (23) após sofrer um acidente doméstico no Palácio da Alvorada.


Bolsonaro teria escorregado no banheiro e batido a cabeça. Ele foi levado ao hospital em um carro oficial.

Segundo nota da assessoria da Presidência da República, o presidente "foi atendido pela equipe médica e levado ao Hospital das Forças Armadas".

A nota afirma ainda que Bolsonaro passou por um exame de tomografia computadorizada do crânio, que não detectou alterações, entretanto ele deve ficar em observação por entre 6h e 12h.

Fonte: https://noticias.r7.com/brasil/apos-sofrer-acidente-domestico-bolsonaro-recebe-alta-hospitalar-24122019

Bolsonaro “aceita Jesus” em culto no Palácio do Planalto. Assista ao vídeo

segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

Mais de 600 pastores e líderes se reuniram em culto de ações de graças


Em culto de ação de graças alusivo ao Natal realizado no Palácio do Planalto, o presidente Jair Messias Bolsonaro declarou publicamente aceitar Jesus.


A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, é evangélica da Igreja Batista Atitude e Bolsonaro, mesmo católico, sempre teve um bom relacionamento com líderes evangélicos.
Na celebração, promovida pela Frente Parlamentar Evangélica, vários ministros de Estado e mais de 600 pastores e líderes evangélicos entoaram hinos cristãos e fizeram orações pelo Brasil.

Em sua fala, o presidente afirmou que pode “ser o chefe mais importante da República, mas o ‘homem’ do Brasil é Jesus” e relacionou o tempo de sua vida parlamentar com a vida de Jacó.
Também afirmou estar honrado em participar daquela reunião e fez questão de declarar publicamente que estava aceitando Jesus “naquela casa” – o Palácio do Planalto.
Assista abaixo o vídeo :

Bolsonaro disse que aceitou Jesus. Isso te incomoda?

Se alguém que você não gosta chega perto do Reino e isso te incomoda, talvez a acusação de “fariseu” te seja aplicável.



Estamos num tempo em que a hipocrisia e a incoerência são manifestas de forma inconsciente muitas vezes, especialmente nas redes sociais. Se você é cristão e anti-Bolsonaro, eu tenho uma pergunta a te fazer: se o presidente afirmar que aceitou Jesus, como o seu coração reage a essa notícia?

Preciso dizer o que me move a fazer tal pergunta. É que as pessoas desta geração em geral afirmam crer no ser humano, nas mudanças das pessoas, na ressocialização de quem se colocou em conflito com a lei etc., porém tudo isso se a pessoa não for politicamente conservadora. Você pode e tem o direito à dignidade, aos direitos humanos e por que não receber o Salvador Jesus Cristo; mas, se você se chama “Bolsonaro”, então nada disso é para você, porque “certamente você deve estar mentindo”.
É neste ponto em que minha dúvida ganha sentido. Por que o presidente não pode desejar conhecer a Cristo e viver segundo os princípios e valores do evangelho? Há algum texto na Escritura que condena a conversão de uma autoridade pública ou temos casos como o de Zaqueu, que desceu da árvore e recebeu o Senhor em sua casa?
A verdade é que se o cristão não for iludido por um progressismo evangélico que 
relê a Escritura através do chão cultural e filosófico que faz com que ele só veja possibilidade de conversão real nos pobres, certamente considerará plenamente positivo uma pessoa como o presidente da República afirmar publicamente que Jesus é maior que ele.
Eu prefiro ouvir o Bolsonaro dizendo que Jesus é maior que ele do que o Lula afirmando que é a pessoa mais honesta do mundo – mais honesta que o próprio Jesus.
A questão aqui não é julgar a decisão do homem com base naquilo que ele foi ou é para nós hoje. A questão aqui é acreditar na possibilidade de uma conversão real de qualquer pessoa, mesmo que essa pessoa não seja alguém que eu goste.
Quem é ímpio não deveria nem entrar nesta discussão porque não faz ideia do que é converter-se a Cristo, recebendo-O como seu Salvador e Senhor. Estou questionando justamente a ala evangélica que é contra o presidente e que foi favorável ao retorno do PT nas últimas eleições apenas para evitar que Bolsonaro fosse eleito.
Se você, cristão progressista, crê no ser humano ao ponto de lutar por seus direitos humanos, é uma questão de coerência você acreditar que Jair Bolsonaro pode e deve mudar, passando a viver não segundo os valores do seu esquerdismo gospel – que muitas vezes tem pouquíssimo do evangelho) – mas, segundo os valores do evangelho que transcendem qualquer ideal político, filosófico ou social.
Espero que tal notícia seja verdadeira e que não só ele como todos os brasileiros possam reconhecer que Cristo é Supremo e que render-se a Ele é a melhor decisão que alguém pode fazer em vida.
Se alguém que você não gosta chega perto do Reino e isso te incomoda, talvez a acusação de “fariseu” te seja aplicável.

Justiça quer obrigar governo Bolsonaro a usar 70 milhões de dinheiro público para séries gays

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Justiça quer obrigar governo Bolsonaro a usar 70 milhões de dinheiro público para séries gays


Edital aberto em 2018 tem orçamento de R$ 70 milhões.

 A Justiça Federal determinou, nesta segunda-feira (7) que a Ancine (Agência Nacional do Audiovisual) retome o edital de chamamento para TVs públicas, onde havia patrocínio para séries gays com dinheiro público.

 Na decisão, a Justiça avaliou que houve “discriminação” por parte do governo, que suspendeu o edital com o propósito de não usar dinheiro público para este tipo de conteúdo.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, havia decidido retirar quatro projetos aprovados na fase final, inscritos na categoria “diversidade de gênero” e “sexualidade”.

As séries eram “Afronte”, “Transversais”, “Religare Queer” e “Sexo Reverso”.

Agora a Justiça quer obrigar o governo a retomar o edital, aplicando verba pública para a promoção destes conteúdos, em uma ação movida pelo Ministério Público Federal (MPF).

 Lançado em 13 de março de 2018, o processo seletivo tinha um orçamento total de R$ 70 milhões, provenientes do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA).

 Uma portaria assinada pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra, publicada no Diário Oficial da União (DOU), evitou o gasto.

 Fonte: https://www.gospelprime.com.br/justica-quer-obrigar-governo-bolsonaro-a-usar-dinheiro-publico-para-series-gays/

Fim da Obrigatoriedade de Auto-Escola pra tirar a Carteira de Habilitação

sábado, 5 de outubro de 2019


O Fim da Obrigatoriedade de Auto-Escola pra tirar a Carteira de Habilitação 



– O partido do presidente Jair Bolsonaro, o PSL, por meio do deputado General Peternelli (SP), quer o fim da obrigatoriedade de se fazer autoescola no processo de habilitação da CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O Projeto de Lei (PL) apresentado pelo deputado dá ao candidato o direito de escolher entre realizar os cursos práticos e teóricos de forma autônoma ou então da maneira atual, no Centro de Formação de Condutores (CFC).

 O Projeto de Lei prevê que: assim que o cidadão for aprovado na Prova Teórica de Legislação e no exame médico/Psicotecnico, ele receberá uma Licença de Aprendizagem de condução, onde poderá aprender a dirigir e praticar pra prova prática acompanhado de uma pessoa habilitada por no mínimo há 3 anos em seu próprio carro ou de terceiro. Essa ideia abrange apenas a categoria A/B do código de trânsito Brasileiro.

Atualmente a lei obriga as pessoas a pagar pelo aluguel de carro e moto pra se tirar a CNH, é um processo demorado e caro a se pagar por um documento público. 

Já com a proposta do deputado General Peternelli (SP), o cidadão pagará apenas as taxas dos exames e confecção de documentos ao DETRAN e poderá utilizar o próprio veiculo para a realização da prova prática.

“O candidato pode realizar toda a sua formação de maneira autônoma e realizar as provas junto ao órgão de trânsito.

Se aprovado em todas as etapas, terá o direito de receber a habilitação, assim como qualquer outro cidadão que opte por realizar o processo por meio de um Centro de Formação de Condutores”, afirma Peternelli.

Mais uma vez, o pano de fundo da medida seria a desburocratização do processo. Esse foi o mesmo argumento de Bolsonaro ao anunciar medidas relativas à CNH, como aumento do número de pontos acumulados com multas e a sua duração.

O criador do projeto ainda acredita que o PL seria responsável por aumentar o acesso à CNH. Segundo ele, atualmente, por conta das aulas práticas, o processo por chegar até R$ 3 mil.

“Esse é um valor incompatível com os ganhos do brasileiros, ainda mais os jovens”, garante. O  PL ainda está no início de tramitação, sendo apresentado à Mesa Diretora da Câmara dos Deputados e não há previsão para ser votado.


Fonte: https://www.simoesfilhoonline.com.br/fim-da-obrigatoriedade-de-auto-escola-pra-tirar-a-carteira-de-habilitacao/

Hei! Antes de colocar na comida dos outros , tire primeiro o veneno que está em você . Muita das vezes, o veneno está em vc e não nas pessoas que o cercam.

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Hei, antes de colocar na comida dos outros, tire primeiro o veneno que está em você . 

Muita das vezes, o veneno está em você e não nas pessoas que o cercam.










Grande Reflexão...

O marido chegou para o pai e disse:
Pai, não aguento mais minha esposa.
Quero matá-la , mas tenho medo de que alguém o descubra.
O senhor pode me ajudar?

Posso sim, meu filho. Mas tem um porém... Você vai te que fazer as pazes com ela para que ninguém desconfie que foi você quem o matou quando ela vier a morrer.  Mas pra que ninguém venha posteriormente desconfiar , você vai ter que cuidar muito bem dela, se gentil com ela, ser agradecido, ser paciente com ela, ser carinhoso com ela e mesmo egoísta, favor retribuir sempre a ela, escutar mais a ela....
Correto?

Sim Senhor pai. Concordou o filho.
Tá vendo este pozinho aqui? Perguntou-lhe o pai.
Estou sim. Respondeu-lhe o filho.

Então..,
Todos os dias filho,você vai colocar um pouco deste posinho na comida dela. Assim ela vai morrer aos poucos . Ok?

É assim conforme o pai lhe orientou, o filho fez durante 30 dias.

E concluindo  então os trintas dias, o filho voltou a casa do pai e disse:
__ Pai, eu não quero mais que a minha esposa morra!
Mas porque filho? Perguntou-lhe o pai.
Pois é pai, ao fazer tudo aquilo que o Sr. me exigiu que eu fizesse, sem querer passei a amá-la e confesso-lhe que estou amando-a como nunca amei-a na minha vida.
E Agora? Como eu faço para cortar o efeito do veneno?

O pai, então, respondeu: Não ser preocupe filho!  O que eu havia te receitado pra colocar na comida da tua esposa, era pó de arroz.
Filho, tranquilo que sua mulher não vai morrer, pois o veneno não estava nela, mas sim, em você!

Conclusão:
Quando alimentamos rancores, morremos aos poucos.

Que possamos fazer as pazes conosco, e com quem nos ofendeu.

Que possamos amar mais e odiar menos.
Que possamos tratá, aos outros como gostaríamos de ser tratados.

Que possamos ter a iniciativa de amar, de dar de doar, de servir, de presentar...E não só a de querer ganhar ou de  tirar vantagem e explorar  o outro.

Que o amor de Deus nós alcance todos os dias pois não sabemos se temos tempo de nós purificarmos com este antídoto chamada perdão. ❤
Postagens mais antigas Página inicial

Quem sou eu

Minha foto
Diac. Marco Aurélio
Visualizar meu perfil completo



Direito

Direitos Autorais Você é livre para reproduzir os artigos desse blog em qualquer meio de comunicação, contudo, não deve infringir a lei de direitos autorais 9.610, sancionada em Fev. de 1998. As reproduções devem conter autores do artigo e endereço do blog. Os que são de Cristo cumprem.

Visitas vários países

VISITAS ONLINE GEOGIVITES
contador de visitas

FANPAGE - AnniaFotografia

Descrição da Imagem

Seguidores pelo Face

Annia Fotografia - Site

Descrição da Imagem

FANPAGE DESIGNER BRYAN

Descrição da Imagem

Siga-nos